Terça, 20 de Novembro de 2018 |
HOMICÍDIO QUALIFICADO

17:50 - 27/09/2018     61 visualizações VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO
Imprimir
O Ministério Público do DIAP de Faro – secção de Vila Real de Santo António – acusou para julgamento por tribunal coletivo um homem de 37 anos de idade pela prática de um crime de homicídio qualificado.

Segundo a acusação, o arguido e o ofendido tinham vivido quatro anos juntos em casa deste, na área de Castro Marim. A partir de 2016 passaram a encontrar-se apenas ocasionalmente. Na madrugada de 26 de abril, depois de passarem juntos algumas horas em casa da vítima, durante uma discussão, o arguido desferiu uma pancada com um taco de basebol na cabeça da vítima, matando-a.

O arguido mantém-se em prisão preventiva desde 4 de abril.

O inquérito foi dirigido pelo MP do DIAP de Faro – secção de Vila Real de Santo António – com a coadjuvação da Polícia Judiciária.

 

Por: Ministério Público

 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos