Quinta, 23 de Novembro de 2017 |
O Olivoturismo, o novo produto turístico do Algarve

16:23 - 13/11/2017     1681 visualizações ALGARVE
Atualizado em: 13/11/2017
Imprimir
O turismo do Algarve deixou de ser apenas sol, praia e golfe!

Nos últimos anos novos produtos turísticos têm emergido e são fundamentais para a promoção da cultura, tradição, costumes, património e gastronomia da região. As visitas às adegas vinícolas algarvias, fábricas de cortiça, explorações de sal marinho, fábricas de conserva, … e mais recentemente ao olival e lagar Monterosa, localizado em Moncarapacho, tornaram-se constantes e verdadeiros pólos de atracção turística.

Há semelhança do que já se faz há largos anos na distante Califórnia, em Itália e numa região mais próxima de nós, Jaén, a empresa Monterosa decidiu há cerca de dois anos abrir as portas do seu olival e lagar aos interessados pelo apaixonante mundo da oliveira e do azeite.

Os visitantes chegam ao lagar das mais variadas formas. Quer através marcação da visita no site, quer acompanhados de operadores turísticos especializados, ou até nos simples “tuk tuk”, que proliferam hoje em dia na região.

O objectivo da empresa é mostrar como se faz azeite virgem extra de quinta de alta qualidade na região do Algarve. Um guia multilinguístico formado como provador de azeites pelo Instituto Superior de Agronomia acompanha os visitantes durante aproximadamente uma hora e meia e dá-lhes a conhecer a história milenar da oliveira, o processo específico Monterosa no que respeita ao cultivo do olival, a apanha da azeitona e a moagem no antigo lagar romano, que hoje em dia foi adaptado com tecnologia moderna. Todos estes processos e operações certificados pelo sistema de protecção integrada.

Segue-se o momento mais esperado da visita, a degustação. Após uma explicação de  como provar e apreciar um azeite virgem extra, o visitante é convidado a escolher entre quatro monovarietais Monterosa (Maçanilha, Cobrançosa, Picual e Verdeal) e um Selection Monterosa de base Frantoio, quais deseja provar. A intensidade do frutado no nariz, a delicadeza do amargo na boca, o ligeiro picante na garganta e um fim de boca com uma persistência de frutos secos, fazem deste perfeito equilíbrio aquilo a que os visitantes no final designam por “um verdadeiro sumo de azeitona virgem extra”.

No final da visita, quem o desejar, poderá comprar azeite em garrafas de 250ml, 500ml ou num kit de degustação de garrafas de 20ml, ou encomendá-lo mais tarde quando regressarem aos seus países de origem através da loja on-line.

Em 2017, foram quase 4.000 os visitantes das mais variadas regiões do mundo que chegaram ao olival e lagar Monterosa.

Esta é uma outra maneira de ver o olival e o lagar no mundo rural!

 
Por: Monterosa
 
 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos